Seguidores

Aqui tudo é construindo com muita Poesia!!!

OBRIGADA.



Photobucket




quinta-feira, 18 de junho de 2009

Meditação



Nas voltas que a vida dá,
temos a certeza que poderá trazer lembranças de coisas boas e ruins...
Mas quando se ama, quando se acredita, nem sequer,
lembramos dos resíduos que ficaram...
Lembramos sim, as doces ternuras que se trocam.
Ao passarmos pela vida, devemos ser autênticos e coerentes conosco mesmo.
Teremos que ser autruistas e não pessimistas, para aqueles que nos seguem.
Devemos trazer na áurea, a plenitude de uma virtude digna de ser vivida,
e glorificada aos olhos daqueles que nos rodeiam.
Se no ontem estávamos tristes, não importa.
O importante que o hoje será muito melhor,
Pois ele é, o caminho para o amanhã.
Se pararmos e questionarmos o tempo,
veremos que esse tempo, já deu tempo um novo tempo.
O essencial nele é a Paz.
A credibilidade no nosso ser.
Só assim, aquele que é descrente, se envergonhará de nunca ter acreditado.
Ao olhar para traz, não se envergonhe de se passado,
ele é vinculo de tua felicidade, que hoje sente.
Não seja descrente, seja autêntico...
A força do amor encoraja às mais belas lutas,
principalmente por você que é muito importante para mim...
Ser fonte de luz aos olhos de alguém, é um ato de amor e doação...
Sermos a ponte que leva ao outro lado da vida,
é darmos a oportunidade, do outro se conhecer melhor!
Não digas nunca"não", às pequeninas fagulhas da responsabilidade pela pessoa outro...
Talvez um dia, alguém que você nunca viu,
Poderá lhe dizer um "sim" que lhe causará espanto...
Seja você mesmo!
Na sua integridade cristã!
Seja um espelho para o outro,mas de fé, tolerância, bondade
e generosidade e não de preconceito e tabus.
Não diga em vão aquilo, que não queres penar.
Deixe a paz e a voz do coração falar mais alto.
Ouça-a na sua simplicidade e capacidade de amar!
Seja a vida para a morte nunca a morte para a vida.
Seja você e deixe eu te amar assim como és.
E nessa ternura, nessa meiguice de um olhar sereno que trago no peito,
nesse desejo contínuo de estar ao teu lado, deixe eu te amar.
Pois és a força de inspiração para este poema.
Nele eu encontro rimas e versos, tão lindos, quanto você.
Porque posso terminar dizendo: -Amo você, minha doce vida!


(Autoria: Sandra Andrade)

7 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

Lindo amiga.

beijooo.

Palma da Mão disse...

E amar assim é tão bom, adorei passar por aqui, uma lufada de ar fresco, cor, poesia e amor, uma bela combinação de bom gosto:)
Beijinhos e obrigada pela visita Sandra

Ricardo Calmon disse...

Poeta Pouca???DEUSSSSSSSSS
Acorda Poeta e Escriba Linda Nossa,de Botão em Tulipa Rosa Forma!

Divina ÉS!

Tulipa em Mulher Forma,Bom,teu Jardim Conhecer e aSPIRAR!

VIVA VIDA!

Sandra disse...

Ricardo amei a sua presença.
Amei as suas doces palavras.
Com todo o meu carinho.
Sandra

Sandra disse...

Ana!
Sempre prestimosa.
Adoro vc.
Sandra

Sandra disse...

Palma Poeta!
Fiquei feliz com a sua presença.
Volte sempre.
Sandra

Pelos caminhos da vida. disse...

Não sei qual foi o selinho que me ofertou amiga?

Um lindo domingo pra vc.

beijooo.